O adeus a ”Game of Thrones” e ”The Big Bang Theory”

Público se despediu de duas produções que marcaram época na televisão

Duas séries tradicionais na televisão americana e com fãs espalhados no mundo inteiro foram encerradas nos últimos dias. Na quinta-feira, o adeus foi para The Big Bang Theory. Ontem, domingo, Game of Thrones se despediu das telinhas.

Deixando de lado análises sobres os finais, já que nunca se agrada todo mundo, vamos destacar algumas peculiaridades das produções.

Game of Thrones

Divulgação.//

A última temporada da série, a oitava, foi muito criticada nas redes sociais desde o primeiro episódio. Até a sexta temporada, os capítulos foram fiéis aos livros de George R.R. Martin, que deu origem a série. Depois, ficou a especulação de como o autor estaria preparado o final da obra, já que a série terminou antes dos livros.

Entretanto, a estreia da oitava temporada quebrou o recorde de episódio mais visto da história da HBO nos Estados Unidos: um total de 17,4 milhões de espectadores assistiram. GoT foi considerada pela Parrot Analytics, que analisa dados e mede a demanda mundial da audiência televisa, a série mais popular no mundo.

A série também foi a mais pirateada do mundo! Em 2016, o TorrentFreak colocou GoT como o programa de TV mais baixado ilegalmente pelo quinto ano consecutivo.

Quando falamos em premiação, GoT é referência. Somente em 2016 a série levou 12 prêmios na edição do Emmy. Nenhuma outra série chegou neste patamar em um mesmo ano.

Outro recorde quebrado foi o de maior transmissão simultânea do mundo. O segundo episódio da quinta temporada foi transmitido em 173 países.

The Big Bang Theory

Divulgação./

A série foi criada por Chuck Lorre e Bill Prady e estreou canal CBS em 24 de setembro de 2007. Com 12 temporadas, a produção alcançou, em 2009, a maior audiência de um programa da CBS. A série sempre manteve excelentes índices de audiência, tanto que o último episódio teve os maiores números em três anos. Cerca de 18 milhões assistiram ao capítulo. Esse marco não era alcançado pela produção desde setembro de 2015.

Além disso, TBBT foi uma série muito premiada e indicada para prêmios de diversas categorias e países. O protagonista Sheldon Cooper, interpretado por Jim Parsons, foi indicado para seis Emmy Award na categoria de melhor ator em série de comédia e venceu quatro, por exemplo. No People’s Choice Awards de 2008, 2010 e 2013, a série ganhou na categoria Favorite Network TV Comedy.

Entre as curiosidades da produção, o elenco principal ganhava aproximadamente US$ 1 milhão por episódio, em 2016. Além disso, toda a ciência da série também é real. Os cálculos de física escritos nas lousas são reais e verificadas por físicos que prestavam assessoria para a série.