Ipea eleva estimativa de inflação para 2021

Foto: Marcello Casal / Agência Brasil

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) alterou suas projeções para a inflação no Brasil para este ano e para 2022, conforme anúncio nesta quarta-feira, 24. A razão para essa revisão é a forte pressão de preços no país e no mundo, com a estimativa para este ano perto de 10%.

Segundo o instituto, o IPCA deve encerrar 2021 com alta acumulada de 9,8%, o que em setembro tinha uma previsão de 8,3%. Para 2022, embora seja esperada desaceleração em relação à taxa de inflação deste ano, a projeção do Ipea para a alta dos preços subiu a 4,9%, contra 4,1% na estimativa anterior, também fora do centro da meta, que neste caso é de 3,5%, com margem também de 1,5 ponto.