RS é o sexto estado que mais resolve assassinatos, mostra pesquisa

Sondagem do Instituto Sou da Paz é relativa a crimes ocorridos em 2018 e que foram esclarecidos até 2019

POLÍCIA
Foto: Rádio Guaíba

A 4ª edição da pesquisa “Onde Mora a Impunidade”, realizada pelo Instituto Sou da Paz, apontou que o Rio Grande do Sul é o sexto estado do país em que o maior número de assassinatos foram esclarecidos pela polícia. Conforme os dados, revelados nesta quarta-feira, o índice referente a elucidação de homicídios, ocorridos em 2018 e que foram resolvidos até 2019, é de 52%, o que corresponde a uma eficácia média no que se refere ao nível de esclarecimento da denúncia.

Nesse indicador, o Estado fica atrás do Mato Grosso do Sul (89%), Santa Catarina (83%), Distrito Federal (81%), Rondônia (74%) e Mato Grosso (54%). Contudo, o desempenho do Rio Grande do Sul piorou, se comparado às edições anteriores, que traziam dados de 2015 e 2016, quando a taxa de elucidação dos assassinatos era de 65% e 58%, respectivamente.

Rio de Janeiro (14%) e a Bahia (22%) registraram os piores desempenhos do país.

Dados nacionais

Ao todo, 17 estados participaram da edição da pesquisa e foram capazes de informar com precisão dados que permitiram ao Instituto fazer o cálculo do índice de esclarecimento de homicídios, cuja taxa nacional ficou em 44% – um aumento de 12 pontos em comparação com a edição divulgada no ano passado.

“É importante reconhecer o avanço no percentual de esclarecimento de homicídios no Brasil, que aumentou 12% em relação à última edição da pesquisa”, comemora Carolina Ricardo, diretora-executiva do Instituto Sou da Paz. “Esta é a edição com o maior número de estados que enviaram dados completos e a maior parte deles apresentou aumento no esclarecimento de homicídios em relação ao ano anterior”, compara.