Brasil supera 373 mil mortes e se aproxima de 14 milhões de casos de Covid

Enquanto taxa de mortalidade nacional é de 171,6 a cada 100 mil habitantes, no RS proporção é de 203,8 óbitos a cada 100 mil

Foto: Itamar Crispim/Fiocruz

O Brasil reportou, nas últimas 24 horas. mais 1.657 mortes pela Covid-19 e 42.980 novos casos da doença, segundo dados enviados pelos estados ao Conass (Conselho Nacional de Secretário de Saúde) neste domingo.

Com os novos números, o país chega à marca de 373.335 mortos desde o início da pandemia. O acumulado de casos atinge 13.943.071, dos quais o Ministério da Saúde estima que mais de 12,3 milhões já tenham se curado.

São Paulo, Minas Gerais e Rio Grande do Sul são os estados com maiores números de infectados, enquanto São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro aparecem no topo da lista de óbitos.

A média móvel de mortes dos últimos sete dias está em 2.885. Já a média móvel de casos dos últimos sete dias é de 65.864. A taxa de letalidade da doença subiu nas últimas semanas e chega a 2,7%.

Enquanto a taxa de mortalidade nacional é de 171,6 a cada 100 mil habitantes, no Rio Grande do Sul a proporção é de 203,8 óbitos a cada 100 mil. Já a taxa de incidência no país, de 7.000,5, segue abaixo do índice estadual, que chega a 8.102,2 infectados a cada 100 mil habitantes.