test

CMPC realiza ações de auxílio aos atingidos pelas enchentes

Programa da companhia executa atividades de resgate, doação, limpeza, transporte e voluntariado

Crédito: Divulgação

As enchentes que assolam milhares de gaúchos em mais de 400 municípios engajaram a CMPC a elaborar um programa de auxílio às pessoas afetadas pela maior catástrofe ambiental da história do Rio Grande do Sul. Diante da situação de calamidade pública, a companhia apresenta o “Fibra do Bem”, iniciativa que reúne uma série de ações emergenciais para apoiar as vítimas da tragédia.

O programa social tem como objetivo amenizar os impactos gerados pelas chuvas no estado, com atividades direcionadas aos municípios onde a empresa possui operações. Desde os primeiros dias da crise, a companhia tem colaborado com o resgate de pessoas e animais com a utilização de caminhões, retroescavadeiras e um helicóptero que operam em diversos municípios da região metropolitana. A empresa também disponibilizou o seu terminal portuário, localizado na unidade industrial de Guaíba, para o transporte de oxigênio aos hospitais de Porto Alegre e de mantimentos para equipes do governo estadual.

ÁGUA POTÁVEL

Em Guaíba, a CMPC possibilizou o acesso a água potável para os moradores do município por meio da instalação de um gerador elétrico. Além disso, a companhia doou dezenas de banheiros químicos e mais de 750 colchões para abrigos do município. Junto à Polícia Civil da cidade, a empresa doou seis caixas com 30 mil folhas de ofício para a delegacia local.

Em parceria com a BASF e Softys, empresa que integra o Grupo CMPC, a multinacional florestal assegurou a entrega de mais de 100 mil itens de higiene, incluindo papel higiênico, papel toalha, fraldas e absorventes, que já foram distribuídos às comunidades afetadas. A companhia também forneceu quatro mil cestas básicas para as famílias que foram prejudicadas pelas enchentes nos municípios de Guaíba, Eldorado do Sul, Barra do Ribeiro, Charqueadas, Arroio dos Ratos, São Jerônimo, General Câmara e Triunfo.

Outra iniciativa que integra o Fibra do Bem é a formação de um programa de voluntariado corporativo, que já conta com 150 participantes. Por meio desta iniciativa, colaboradores da companhia estão apoiando ações de organização, recreação, distribuição de alimentos e materiais de higiene e limpeza em abrigos e locais atingidos pelas cheias. Em uma das primeiras ações, o grupo de voluntários realizou a limpeza de um abrigo com 150 animais resgatados da enchente.

INCENTIVO

Além de todas as ações voltadas para a comunidade externa, a empresa colocou em prática a Campanha “1+1”, que consiste em uma iniciativa global do Grupo CMPC, por meio do qual a empresa incentiva colaboradores que não foram afetados pelas enchentes a contribuir com doações. Neste programa, a companhia se compromete a doar valor igual ao total do que for arrecadado. A campanha acontece até o dia 16 de maio, e as doações serão revertidas em donativos para as famílias que necessitarem de assistência.

“Estamos ao lado do Rio Grande do Sul neste momento de dor e dificuldade para tantas famílias. Somos uma companhia com DNA gaúcho e temos a missão de auxiliar ao máximo na reconstrução do nosso Estado”, afirma Jailson Aquino, diretor-geral da CMPC. “Montamos um comitê de crise, de modo que pudéssemos listar as atividades prioritárias, unir esforços e realizar ações efetivas para a população necessitada. Até o momento, já conseguimos doar muitos mantimentos, ajudar nos resgastes, oferecer nossa estrutura física e equipamentos para que possamos vencer essa batalha o quanto antes”, enfatiza.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Sair da versão mobile