Free Porn

Semana mais curta mas com dados de emprego e desemprego

Período também tem decisão de política monetária dos EUA

Crédito: Freepik

A decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed), o Banco Central dos Estados Unidos) deve ser o evento mais marcante da semana entre 29 de abril e 3 de maio no cenário internacional. Por aqui, com a semana mais curta em função do feriado do Dia do Trabalho, que terá a B3 fechada na quarta-feira, 1º, as atenções se voltarão, para os dados do registro permanente de admissões e dispensa de empregados, sob o regime da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT), o Caged, e PNAD Contínua, com dados da taxa de desemprego.

E justamente a segunda-feira, 29, será marcada pela divulgação dos dados da geração de emprego formal de março, o Caged, e provavelmente a mais importante informação da semana. O mercado financeiro projeta o registro da abertura de 135 mil novas vagas. Já a Fundação Getúlio Vargas (FGV) divulgará o IGP-M referente ao mês de abril, com expectativa de alta de 0,03% na comparação mensal conforme especialistas. Junto, a FGV também libera dados sobre a sondagem de serviços e de comércio do mês de abril. Já o Tesouro apresentará o resultado primário do governo central de março.

TAXA DE DESEMPREGO

Na terça-feira, 30, último de abril, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apresenta a PNAD Contínua, com projeção de 8,1% de taxa de desemprego que, se confirmada, vai superar os indicadores de 7,6% em janeiro e 7,8% em fevereiro. Também estão programadas as divulgações do Relatório Focus do Banco Central, com as expectativas de agentes econômicos sobre os principais indicadores brasileiros, e a FGV libera o indicador de incerteza de economia de abril.

Depois do feriado, o Banco Central divulga, na quinta-feira, 2, dados sobre investimentos diretos no país e transações correntes. A expectativa é que os dados apontem um resultado de R$ 6 bilhões, de investimentos e queda de R$ 3,1 bilhões nas operações correntes. A FGV oferece o índice de confiança empresarial de abril e o Índice de Preços ao Consumidor (IPC-S).

Para fechar a semana, a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE) divulga seu IPC mensal, de abril, e o IBGE traz a Pesquisa Industrial Mensal (PIM) de março, com projeção de alta de 1,4% na comparação mensal. O BC traz nota à imprensa sobre política monetária e operações de crédito de março. A Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) divulgará os dados de emplacamentos de veículos em abril.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Sair da versão mobile