test

Empresas gaúchas garantem R$ 460 milhões do BNDES para exportação

Operações de financiamento foram aprovadas para a Marcopolo, Frasle e Master

Foto: BNDES / Divulgação / CP

Empresas do setor automotivo no Rio Grande do Sul realizaram dez operações com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para financiamento de exportações com spread reduzido. Ao todo, a linha Exim Pré-embarque para o estado somou R$ 460 milhões. As operações de financiamento foram aprovadas para as empresas Marcopolo, Frasle e Master.

Em 22 de fevereiro deste ano, o BNDES reduziu em até 60% o spread para essas operações. Para todo o país, a linha tinha orçamento total de R$ 2 bilhões. Em apenas cinco dias, todos os recursos foram utilizados. “O financiamento às exportações de empresas brasileiras é uma ação estratégica do BNDES no governo do presidente Lula, porque fortalece a indústria nacional, torna ela competitiva no mercado internacional e gera empregos dentro do país”, explica o diretor de Desenvolvimento Produtivo, Inovação e Comércio Exterior do BNDES, José Luís Gordon.

O BNDES Exim Pré-embarque é um produto criado para apoiar empresas brasileiras na produção de bens destinados à exportação. Os recursos são recebidos pelo cliente no Brasil, vinculados ao compromisso de comprovar a exportação dos produtos posteriormente. A amortização do financiamento é feita diretamente com o agente financeiro repassador ou com o próprio BNDES.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Sair da versão mobile