test

Empresa aposta na instalação de eletropostos nas regiões Sul e Sudeste até final de 2023

Crédito: Freepik

A Vibra Energia, maior distribuidora de combustíveis do país, prevê a instalação de 70 eletropostos em estradas brasileiras e áreas urbanas até o final de 2023 com R$ 50 milhões de investimentos, conectando sete estados das regiões Sul e Sudeste que, junto com Brasília, formarão um corredor de quase 9 mil quilômetros de extensão. O primeiro eletroposto para recarga rápida de veículos elétricos, já opera no km 92 da rodovia Presidente Dutra, em Roseira (SP) e conta com um carregador com três pontos para utilização.

Conforme o presidente da companhia, Wilson Ferreira Júnior, será criada uma infraestrutura voltada a veículos elétricos principalmente em rodovias, onde a carência de pontos de recarga é maior, um fator que limita viagens de longa distância.

O dirigente destaca que as ações fazem parte de sua estratégia de ir além da distribuição de combustíveis e se tornar uma ampla plataforma de energia, liderando o processo de transição energética no Brasil. Ferreira Júnior foi o primeiro presidente da então criada RGE em 1998, resultado da desestatização parcial da distribuição de energia elétrica no Rio Grande do Sul pelo então Governador Antônio Britto.

Ele explica que a energia elétrica para os eletropostos virá da Comerc, comercializadora controlada pela Vibra, e que só atua com fontes de geração renováveis, comprada no mercado livre ou obtê-la a partir de usinas de geração distribuída.

Para o presidente da Vibra, o mercado de venda de carros elétricos ou híbridos irá crescer gradualmente no país nesta década. Segundo um estudo realizado pela BCG para a Vibra, veículos elétricos e híbridos poderão representar cerca de 30% das vendas de veículos novos a partir de 2030, com participação de mais de 10% na frota circulante do Brasil.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Sair da versão mobile