Ministério da Saúde cita terceiro caso de variante delta no RS, importado do RJ

Rio registra 87 ocorrências, de um total de 135

Foto: Portal Correio / R7

O Ministério da Saúde informou, na noite desta quarta-feira, que até o momento foram identificados 135 casos da variante Delta do novo coronavírus em circulação no país. Sem detalhar a cidade do paciente infectado, o levantamento cita um terceiro caso da cepa indiana em um morador do Rio Grande do Sul que viajou ao Rio de Janeiro. Os dois primeiros, ambos residentes em Gramado, na Serra, haviam se infectado sem sair do território gaúcho.

Dos 135 registros, cinco evoluíram para quadro grave que resultou em morte. As ocorrências foram registradas no Maranhão (1) e no Paraná (4). A Delta preocupa pelo fato de apresentar uma taxa de infecção maior do que o novo coronavírus original.

O Ministério contabiliza, além de três casos no Rio Grande do Sul, seis no Distrito Federal, dois em Goiás, seis no navio que esteve na costa do Maranhão, um em Minas Gerais, 13 no Paraná, dois em Pernambuco, 87 no Rio de Janeiro, cinco em Santa Catarina e dez em São Paulo. O levantamento ainda não considera a totalidade dos casos relatados mais cedo pela Prefeitura de São Paulo: 12, apenas na capital.

A pasta informou que vem dialogando com as secretarias de Saúde para ampliar a vigilância sobre a variante. Entre as ações recomendadas está o sequenciamento genômico para mapear a presença da variante em cada estado ou município.

Os casos suspeitos devem ser isolados, com tratamento para aliviar os efeitos e possíveis complicações. O Ministério da Saúde também solicita a notificação imediata para gerar ações de resposta em localidades onde a variante for identificada.