Polícia intensifica buscas para prender padrasto suspeito de matar enteada em Bom Princípio

Adolescente de 13 anos foi violentada e estrangulada

Foto: Correio do Povo/Arquivo

A Polícia Civil intensificou as buscas para localizar e prender o padrasto suspeito de estuprar e matar a enteada, uma adolescente de 13 anos, no último domingo em Bom Princípio. À reportagem do Correio do Povo, o delegado Marcos Eduardo Pepe afirmou que a prisão preventiva já “foi decretada”, mas o foragido, de 39 anos, “ainda não foi localizado”. Ele confirmou que a morte da menina foi por asfixia (estrangulamento) e que tinha sinais de violência sexual.

O titular da DP de Bom Princípio confirmou também que o padrasto possui antecedentes criminais por três crimes sexuais, sendo que dois tinham menores de idade como vítimas, bem como um roubo. Condenado a 12 anos de reclusão, o indivíduo estava em liberdade condicional.

O delegado Marcos Eduardo Pepe disse ainda que aguarda os laudos do Instituto-Geral de Perícias (IGP) para apurar se a vítima foi estuprada e estrangulada. O corpo dela foi localizado na margem do arroio Forromeco, perto da ERS 122, pelo Corpo de Bombeiros Voluntários de Bom Princípio, na tarde de domingo passado. Um Fiat Uno Mille Fire, de cor branca, usado pelo indivíduo, foi encontrado depois abandonado nas imediações da Estação Rodoviária de Montenegro.

WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Sair da versão mobile