Detran prepara retomada gradual de exames de direção no RS

Exames práticos serão retomados a partir de 1° de junho, também de forma gradual

Foto: Gustavo Roth / PMPA / Divulgação / Arquivo

Com a adoção do modelo de distanciamento controlado no Estado, o Detran gaúcho vai retomar, a partir da próxima segunda-feira (25), os exames para a Carteira Nacional de Habilitação. A retomada será gradual, começando com a realização de exames teóricos na sala de provas de Porto Alegre, estendendo-se depois para as regionais e posteriormente para os Centros de Formação de Condutores (CFCs).

Os exames práticos serão retomados, também gradualmente, a partir de 1° de junho. As juntas médicas e psicológicas foram retomadas nessa quinta-feira. O calendário e as regras para o retorno foram definidas em portaria publicada na edição desta sexta-feira do Diário Oficial do Estado.

A realização dos exames teóricos e práticos será escalonada conforme critérios técnicos, regionalização e exposição a fatores de risco. Na aplicação de exames teóricos, por exemplo, o número de vagas respeitará a lotação máxima de salas de aula, a ser calculada observando o distanciamento de um metro entre as estações de trabalho, com uso obrigatório de EPIs. O local de prova deverá disponibilizar álcool em gel e os leitores biométricos e estações de trabalho deverão ser higienizados após cada atendimento.

A agenda para os exames práticos será disponibilizada conforme o total de examinadores de trânsito aptos a realizar os exames (profissionais que estejam fora do grupo de risco). Após a aplicação de cada exame será feita a higienização dos veículos, tablets etc. O exame de quatro rodas deverá ser realizado preferencialmente com os vidros abertos. Para duas rodas, será exigido que o candidato utilize seu próprio capacete.

Agendamento da prova

Uma mudança importante trazida pelo novo regramento é que o candidato somente poderá agendar a prova após a conclusão de 80% da etapa anterior, ou seja, só poderá agendar prova teórica quando tiver concluído esse percentual de aulas do curso teórico. O mesmo vale para o exame prático.

A medida visa garantir a distribuição mais justa de vagas para exames, já que, neste primeiro momento, haverá uma demanda maior para ser atendida por um menor número de profissionais. Em 19 de março de 2020, quando foram suspensos os exames e serviços de habilitação no Estado, havia cerca de 95 mil candidatos aptos a realizar a prova prática e 43 mil aptos a fazer a teórica.

Prazo prorrogado para conclusão

O diretor técnico do DetranRS, Fábio Pinheiro dos Santos, estima que os candidatos não serão prejudicados. Em função da pandemia, o Conselho Nacional de Trânsito aumentou o prazo para conclusão do processo de habilitação. “Não há razão para correria. O prazo para conclusão do processo de habilitação passou de um ano para 18 meses, dando um fôlego de seis meses para realizar todas as etapas. Estamos todos buscando a melhor solução para este momento difícil. Todos precisamos contribuir. E, nesse caso, é avaliar o melhor momento de buscar os serviços de habilitação”, acrescentou.

*Com informações do DetranRS