Operação contra tráfico de drogas já registra 21 prisões no Norte do RS

Polícia segue buscando mais nove pessoas com mandados de prisão preventiva expedidos e cumpre 16 mandados de busca e apreensão

POLÍCIA

A Polícia Civil (PC) já prendeu 21 pessoas, nesta quinta-feira, durante a Operação Origem, realizada nas cidades de Erechim, no Norte gaúcho, e em Porto Alegre. A polícia segue buscando mais nove pessoas, com mandados de prisão preventiva expedidos, e cumpre 16 mandados de busca e apreensão. Todos os detidos foram encontrados em Erechim. Segundo as investigações, eles fazem parte de um grupo criminoso que atua com tráfico de drogas em cidades da metade Norte. Além da venda de entorpecentes, o grupo é investigado por assassinatos e roubos na região.

O delegado Gustavo Ceccon, responsável pela Operação, explica que o bando atacou recentemente três joalherias, duas delas em Barão do Cotegipe e uma em Erechim. Ceccon explica que a facção é comandada por presos que cumprem pena na Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas (Pasc), onde se associaram a outros criminosos para criar um braço da facção na região Norte.

“Eles acabaram crescendo e se fortalecendo dentro do sistema prisional”, esclarece o delegado. Uma das características do grupo é trazer pessoas de outras cidades, como Porto Alegre e Santa Maria, para atuar na região. Além disso, os funcionários da facção confundem a Polícia atuando por um tempo em um município e depois se mudando para outro.