Estações da Trensurb são abertas após quase três horas

Problema no sistema de sinalização provocou paralisação de composições no começo da manhã desta quarta

Estações foram reabertas em Porto Alegre e na região Metropolitana. Foto: Guilherme Testa/CP

Após quase três horas, as estações da Trensurb em Porto Alegre e em cidades da região Metropolitana foram reabertas na manhã desta quarta-feira. Uma falha no sistema de sinalização provocou a paralisação dos trens no começo do dia, às 5h.

O problema gerou filas em estações da Capital e de municípios vizinhos que até então estavam fechadas. A empresa informou que havia uma avaria na comunicação na rede de fibra ótica, o que impedia o Centro de Controle Operacional de receber as informações necessárias entre as estações Sapucaia e Esteio.

A assessoria de imprensa informou que nesta retomada do serviço o intervalo entre uma viagem e outra será de 10 minutos. As composições devem estar lotadas por conta do acumulado de pessoas nas 22 estações da Trensurb. A empresa deverá disponibilizar mais trens na Mathias Velho, caso seja necessário. Em média, a Trensurb transporta 170 mil pessoas diariamente.