Homem de 55 anos morre vítima de gripe no Noroeste do RS

Sobe para oito número de vítimas da Influenza em 2019

O vírus da Influenza provocou a oitava morte do ano no Rio Grande do Sul. Um homem de 55 anos faleceu, em Santo Ângelo, no Noroeste gaúcho, nesse domingo. O balanço mais recente da Secretaria Estadual da Saúde (SES), divulgado nessa terça-feira, apontou sete óbitos, de janeiro até o sábado passado.

O Laboratório Central de Saúde Pública do Estado (Lacen/RS) confirmou que o paciente se infectou com o H1N1. Não há informações sobre doenças que tenham fragilizado a vítima. O homem não havia se vacinado. O paciente chegou a ser internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Santo Ângelo, mas não resistiu.

Outras sete pessoas foram vítimas de vírus da Influenza, em 2019, no Rio Grande do Sul. Entre elas, uma menina de 11 meses, que morreu em Sapiranga, no Vale dos Sinos.

Devido à morte em Santo Ângelo, unidades de saúde do município registraram aumento na procura pela vacina. A Secretaria Municipal da Saúde de Santo Ângelo informou, contudo, que não há mais doses na cidade. Quando a campanha de vacinação terminou, já haviam sido aplicadas as 650 unidades liberadas para a população em geral.