Confirmado o primeiro caso autóctone de dengue em Cachoeirinha

A Vigilância em Saúde fará bloqueio com aplicação de inseticidas no perímetro do bairro Jardim América

Foto: Samuel Maciel / CP Memória

A Prefeitura de Cachoeirinha confirmou o primeiro caso de dengue autóctone no município. A Secretaria Municipal da Saúde, por meio da Vigilância em Saúde, dará início ao processo de bloqueio com aplicação de inseticidas no perímetro onde foi notificado o caso, no bairro Jardim América.

A Prefeitura de Cachoeirinha voltou a reforçar que a população precisa estar atenta aos focos do mosquito, fazendo a manutenção dos terrenos e residências, descartando cada fonte de água parada.

O presidente do Sindicato dos Municipários de Cachoeirinha (Simca), Manuel Araújo Neto, o perigo de uma transmissão está evidente pelas condições ambientais e o desmonte dos sistemas de vigilância e prevenção. Neto comenta que o alerta já havia sido feito pelos trabalhadores da saúde.

Segundo ele, estima-se que para uma população de quase 130 mil habitantes o município deveria ter ao menos 60 agentes de endemias atuando. Atualmente, são sete agentes de combate a endemias. “Não há agentes de endemias suficiente para cobrir a cidade. Diante da situação, fica evidente o descaso da prefeitura com a saúde da população de Cachoeirinha.”

A prefeitura foi procurada, mas não se manifestou sobre o posicionamento do sindicato. Até a confirmação deste caso pelo município, a Secretaria Estadual de Saúde registrava apenas um caso importado da doença em Cachoeirinha.