A série ”Hannibal” merece ser assistida

História do canibal mais famoso do cinema e literatura está na Netflix

Divulgação.//

Acho que todo mundo já ouviu falar de Hannibal Lecter. Seja na literatura, no cinema (com o clássico O Silêncio dos Inocentes) ou em série. O canibal mais conhecido está no catálogo da Netflix com a série homônima. A produção estreou em 2013 e foi finalizada em 2015, mas é sempre bom recordar uma grande série. Hannibal precisa ser vista.

A produção faz o estilo terror psicológico e é muito bem feita. Com três temporadas, a série premia o espectador que gosta do gênero. Se você tem estômago fraco, não é recomendável assistir.

Trabalhando na linha dos problemas mentais, a narrativa mescla a história do Dr Hannibal Lecter, respeitado psiquiatra e do agente do FBI, Will Graham. Hannibal é psicopata clássico: extramente cuidadoso e meticuloso, não deixa pontas soltas, pensa em todos os detalhes e é um manipulador nato. Elegante e inteligente, ele consegue envolver todos em uma trama de crimes brutais.

Uma das sacadas mais legais da série é Will, que se coloca no lugar dos assassinos para desvendar como o homicídio foi cometido. A personalidade do Will também um mistério: introspectivo, com poucos amigos e ligeiramente inseguro, mas muito inteligente.

Hannibal e Will./ Divulgação.//

Desde a primeira temporada, vemos Hannibal cozinhando com maestria. Ele se dedica ao ofício, recebe amigos para pomposos jantares. As cenas dele na cozinha quase sempre são acompanhadas com uma maravilhosa trilha sonora. Entretanto, a carne que ele prepara é humana, fruto dos homicídios que comete. Como a maior parte dos cruéis assassinos da ficção, aquilo é uma espécie de troféu para ele.

A segunda temporada é um dos ápices da série. O conflito entre Will e Hannibal é o ponto central de toda temporada. As cenas bem produzidas, a iluminação, fotografia e trilha sonora deixam tudo mais perturbador. Ao que parece, o cerco está se fechando em torno de Hannibal, mas não será fácil provar seus crimes.

Para quem curte mortes misteriosas, os assassinatos da segunda temporada são mais elaborados e cruéis. As cenas de canibalismo também ganham força. O último episódio é um espetáculo. Um embate entre os principais personagens e muito sangue derramado.

Hannibal é brutal, cruel e uma produção fascinante. Não tem como assistir um episódio só.

A série é baseada nos personagens dos livros Red Dragon e Hannibal, de Thomas Harris. O elenco conta com Hugh Dancy como Will Graham, Mads Mikkelsen como Hannibal Lecter,
Caroline Dhavernas como Alana Bloom, Laurence Fishburne como Jack Crawford e Gillian Anderson como Drª. Bedelia du Maurier. A produtora da série é Martha De Laurentiis e o roteirista é Bryan Fuller.

Elenco de Hannibal./ Divulgação./