Número de empresas interessadas em apoiar evento sugere que Reveillon na Orla volta em 2019

Estimativa da Prefeitura é aumentar o público em relação às últimas edições da festa e ultrapassar as 200 mil pessoas

Foto: Ivo Gonçalves / PMPA / Divulgação / CP memória

A listagem com as empresas e pessoas físicas interessadas em patrocinar o Réveillon da Orla do Guaíba vai ser divulgada na próxima segunda-feira. Conforme a Secretaria de Cultura, o prazo para envio de propostas se encerra hoje mas, de acordo com a Pasta, com o número de interessados até agora, a tendência é de que o evento aconteça.

A festa, promovida pela Prefeitura de Porto Alegre, vai ser a primeira desde a entrega da revitalização do trecho 1 da Orla Moacyr Scliar, entre a Rótula das Cuias e a Usina do Gasômetro. O projeto prevê performances artísticas, shows musicais e de fogos de artifício. A Prefeitura precisa analisar, agora, se as empresas terão a possibilidade real de apoiar o evento.

Segundo o edital, o objetivo é selecionar empresas ou pessoas que se disponham a adquirir uma ou mais cotas de patrocínio em troca de divulgar a marca na comunicação do evento. Serão disponibilizadas 10 cotas de patrocínio: uma no valor de R$ 700 mil, na modalidade “apresenta”, e nove cotas no valor de R$ 100 mil, na modalidade “patrocínio”.

De acordo com o secretário da Cultura, Luciano Alabarse, a expectativa é que, na próxima semana, o Executivo já tenha uma ideia do que pode ser feito.

A Prefeitura estima ainda aumentar o público em relação às últimas edições da festa e ultrapassar as 200 mil pessoas. Na virada de 2014 para 2015, cerca de 100 mil estiveram no local. No ano seguinte. Um ano depois, já com as obras de revitalização da orla em andamento, o público caiu para 35 mil pessoas. A festa ocorreu nas proximidades da pista de skate do Parque Marinha do Brasil, a cerca de 2 km da Usina. Em 2017 e 2018, Porto Alegre, não teve festas públicas na virada de ano em função da crise financeira.