Porto Alegre: Executivo pede autorização da Câmara para financiamento de R$ 270 milhões

Finalidade é ampliar a capacidade de distribuição de água potável pelo Dmae

Foto: Agência Brasil

O prefeito em exercício Gustavo Paim encaminhou, nesta terça-feira, projeto de lei à Câmara solicitando autorização para contratação de financiamento para projetos de saneamento básico. O valor global é de R$ 270 milhões a serem contratados junto à Caixa Econômica Federal.

A finalidade é ampliar a capacidade de distribuição de água potável pelo Dmae, além da implantação de melhorias na infraestrutura de controle de perdas.

O valor total do financiamento é de R$ 259,1 milhões, sendo R$ 220,7 milhões destinados para o Sistema de Abastecimento de Água Ponta do Arado e R$ 38,4 milhões para o Programa de Controle de Perdas. A contrapartida da Prefeitura é de R$ 13,6 milhões.

Desabastecimento – Com o futuro sistema de Água Ponta do Arado, o objetivo é evitar as ocasiões de desabastecimento no verão em regiões mais distantes das áreas atendidas pelo sistema do Belém Novo, como Hípica, Aberta dos Morros, Lami e Lomba do Pinheiro. A proposta de melhorias no abastecimento de água deve atingir mais de 250 mil moradores nas zonas Sul e Leste.