Jogo do Brasil na Copa altera serviços nesta sexta-feira

Serviços considerados essenciais não sofrerão alterações

Foto: Guilherme Testa / CP Memória

A Seleção Brasileira disputa as quartas de final da Copa do Mundo contra a Bélgica nesta sexta-feira, às 15h. Em função da partida, alguns serviços sofrem alterações em Porto Alegre e no Estado. O expediente na prefeitura da Capital será das 8h às 14h. Os serviços considerados essenciais não sofrerão alterações. As aulas da educação municipal devem ser realizadas normalmente. Conforme a Secretaria de Educação, a instituição de ensino, dentro da programação de trabalho pedagógico, pode desenvolver estudos relativos à temática da Copa.

As farmácias e e postos de saúde também sofrem alteração no horário de funcionamento. Desde o início do torneio, o fechamento antecipado das unidades de saúde da cidade vem oscilando, dependendo do dia da semana. Nessa sexta, porém, será registrado o maior número de postos com expediente mais curto desde 22 de junho. O motivo, conforme a Secretaria Municipal da Saúde, é a queda no número de pacientes.

Os bancos atenderão somente das 9h às 13h. Na área do transporte público, devido ao movimento atípico previsto, haverá reforço no atendimento entre 12h e 15h. Como a demanda em dias de jogos do Brasil na Copa do Mundo já é reduzida, será utilizada tabela eventual nos demais horários, redução de 6%, mas com funcionamento normal das linhas nas primeiras viagens da manhã e também no final da tarde.

Em âmbito estadual, o expediente dos órgãos públicos será das 8h às 14h. Os alunos da rede estadual não terão aula no turno da tarde, devendo ser recuperada posteriormente. Na área da Segurança Pública, os horários previstos serão adotados apenas na condução das atividades administrativas do órgão.

A Justiça Estadual funcionará das 8h às 14h. O regime de plantão atuará normalmente. O Ministério Público do Trabalho (MPT-RS) vai realizar atendimento das 8h às 12h30. Já o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) informa que o funcionamento será das 9h às 14h e ficam suspensos os prazos processuais de qualquer natureza.